ASemana 36 anos.png
ASemana 36 anos.png
  
EDITORIAL

150 anos de histórias para contar

Curitibanos não deixa de guardar a vida tranquila da cidade de interior

Por AS


(João Moraes) /

Receptiva para quem chega e acolhedora para quem aqui nasceu ou se instalou, assim pode começar a ser definida a cidade que nesta terça-feira (11), comemora 150 anos de emancipação político-administrativa. Curitibanos teve sua origem num pouso de tropeiros da Estrada das Tropas, chamada, inicialmente, "dos Conventos". A estrada servia de passagem para o gado dos campos do Sul em direção às feiras de São Paulo.

Nestes 150 anos de história, a cidade tem demonstrado que é capaz de manter vivas suas tradições sem deixar de incorporar novidades que contribuam com seu desenvolvimento. Palco de revoluções, como a Farroupilha, Federalista e a Guerra do Contestado, estas terras guardam em sua história as marcas de luta e união de um povo trabalhador e que busca pelo desenvolvimento do local onde vive.

Já respirando ares de cidade grande, com indústrias, universidades, comércio diversificado e hospital de ponta, Curitibanos não deixa de guardar a vida tranquila da cidade de interior, onde as pessoas se conhecem, cuidam umas das outras e se importam com o que acontece com o próximo, sendo caracterizados por serem bairristas e defensores dessa personalidade local.

Para valorizar esta história e eternizar estes momentos em páginas impressas, o Jornal "A Semana" está lançando o caderno especial "Curitibanos 150 anos" e um guia informativo, servindo como uma vitrine do que a cidade tem a oferecer, mostrando como a cidade está se desenvolvendo e se preparando para um crescimento em todo seu potencial, parabenizando a todos por estes 150 anos e se orgulhando de ter a oportunidade de fazer parte desta história.



OculoseCia.gif
ConexaoMaster.gif

Jornal "A Semana" | Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida | 89520-000 | Curitibanos | (49) 3245-1711