nas-redes.png

EDIÇÃO IMPRESSA

Sexta, 18 outubro

Capa
Capa

EDIÇÃO IMPRESSA


RELIGIOSIDADE

Neste sábado (17) acontece a 19ª Festa em Homenagem a Rainha Maria Padilha das Almas

Evento reunirá milhares de fiéis de todos os cantos da América, e terá atrações e gastronomia diversas.

Vem aí a 19ª edição da festa em homenagem a Diva Rainha Maria Padilha das Almas na Coroa da Mãe Cleusa de Iansã, com diversas manifestações em reverência a esta poderosa entidade. Entrevistamos Mãe Cleusa e ela nos prestou as seguintes informações: 

Razão: No próximo dia 17 de agosto acontece mais uma edição da festa em homenagem a Maria Padilha das Almas. Como a senhora se sente tendo a missão de organizar este evento? 

Mãe Cleusa: Amor à religião e amor pela Rainha Maria Padilha das Almas, e sabendo que o povo da religião afro é muito organizado e vaidoso, acaba se tornando fácil e muito prazeroso organizar o evento.

Razão: Quais serão os principais momentos do evento? 

Mãe Cleusa: Os primeiros convidados serão apresentados para um café colonial e em seguida todos se reúnem e aguardam a chegada da moça Rainha Maria Padilha das Almas

Razão: O evento é restrito ou aberto ao público? 

Mãe Cleusa: O evento é aberto ao público e reunirá o povo da cultura afro e simpatizantes.

Razão: Aonde acontecerá o evento neste ano?  

Mãe Cleusa: Será no sítio Rainha Maria Padilha das Almas na Avenida Sorocaba em Sorocaba de fora, ficando entre Biguaçu e Tijucas.

Razão: Neste ano haverá participação de cantores da religião afro? 

Mãe Cleusa: Sim, o cantor Tião Casemiro e o grupo Ogans em Ação, do Rio de Janeiro. Teremos também o grupo Som da Curimba, de Florianópolis. Além dos grupos afros temos a participação confirmada do Pai Mago Maicon de Xangô, de São Paulo, que estará pela segunda vez em nossa festa.

Razão: Além dos cantores, haverá mais alguma atração especial? 

Mãe Cleusa: Sim, esse ano a Rainha Maria Padilha das Almas terá duas saídas com dois vestidos de visual diferente.

Razão: O evento também é conhecido pela gastronomia. Neste ano a senhora preparou algumas novidades?  

Mãe Cleusa: Sim, além do churrasco e de um bolo de 120 kg, haverá uma mesa especial com leitões à pururuca.

Razão: Fale um pouco mais dos costumes umbandistas. 

Mãe Cleusa: Quando o umbandista dança para um santo, ele o está saudando. Vestindo roupas coloridas, nos preparamos para recebê-los. Eles nos trazem brilhos e axé. Cada orixá tem um tipo de roupa diferente.

Razão: Existe algum traje obrigatório para quem quiser ir ao evento? 

Mãe Cleusa: Não, qualquer um pode vir vestido da maneira que se sentir melhor.

Razão: Que ensinamentos a senhora pode passar para nossos leitores sobre essa cultura? 

Mãe Cleusa: Todas as religiões são boa e a religião afro é bom conhecer ela, pois a pessoa que conhece recebe muita prosperidade, brilho espirituais e muito axé.

Razão: Deixe uma mensagem para nossos leitores.

Mãe Cleusa: À todos os seguidores da terreira Vó Maria, pais e mães de santo, médiuns e simpatizantes da religião afro, que é uma religião tão radiante.

Imagens




As mais lidas do dia

jr.png

| | insta |

Quem somos | Mapa do site | Webmail | Painel de controle

Copyright © 2017 Jornal Razão - Tijucas SC
Todos os direitos reservados.


Whatsapp
(48) 8453-0809

 

Quem somos | Mapa do site | Webmail | Painel de controle

 

Copyright © 2017 Jornal Razão - Tijucas SC
Todos os direitos reservados.