15202912083430.png
SUPERAÇÃO

Um milagre chamado vida: Andrea, de Tijucas, conta sua luta contra o câncer

Por Daiane Valentin / Jornal Razão
Foto: Kézia Liberato Fotografia/Divulgação

Andrea de Souza, 51 anos, natural de Florianópolis e moradora de Tijucas. Professora aposentada, Andrea enfrentou uma verdadeira batalha pela vida, contra um câncer de mama raríssimo.

A história de superação foi publicada no livro "Um milagre chamado vida", escrito pela própria Andrea e lançado no dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher.

"Foi uma noite mágica e marcante. Existe uma Andrea antes e outra Andrea depois do câncer, que cresceu muito como pessoa. Essa doença foi um aprendizado enorme na minha vida", afirma a professora e agora escritora.

Segundo ela, a ideia surgiu pelo desejo de compartilhar sua experiência pessoal com outras mulheres e familiares que enfrentam o câncer.

Como gosta muito de escrever, durante o tratamento Andrea tinha uma espécie de diário, uma agenda em que escrevia tudo que lhe acontecia. Em conversas com outras pessoas, sempre questionavam porque ela não escrevia um livro.

"Eu sentei com meu namorado e decidimos que o livro sairia e a empolgação tomou conta de todos. Depois de muitas conversas e reuniões, o livro finalmente começou a criar vida e o que era sonho virou realidade", afirma a professora.

Quem é a Andrea

"Sou uma pessoa simples, muito vaidosa e que ama viver, estar com os amigos e familiares e que é apaixonada por viagens", descreve Andrea.

A escritora tem uma irmã gêmea e dois irmãos mais velhos. Ela é filha de Alcina Venâncio de Souza e Helio Machado de Souza.

Professora aposentada, ela trabalhou por 28 anos no município de Tijucas em escolas públicas e particulares. "Ainda sou conhecida por muitos como a tia Andrea", brinca.

Diagnóstico

Andrea se preparava para uma viagem com seu namorado em 2018, quando foi diagnosticada com o câncer de mama e iniciou o tratamento.

"Naquele momento que descobri o câncer sabia que não seria nada fácil, mas decidi ser mais forte que tudo nesta vida e não desistir de nada", afirma.

Com esta determinação, a escritora afirma que estava ciente do processo assustador que passaria e que muitas mulheres acabam até desistindo do tratamento, principalmente a quimioterapia vermelha, que faz cair cabelos e pêlos do corpo.

"Em meio a toda essa mudança a minha vida tinha que continuar e eu dentro do meu limite fazer tudo que amava, durante o tratamento eu fiquei alguns dias na UTI e mesmo assim eu continuava minha luta, firme e forte e com muita fé em Deus e em todas as orações que pessoas faziam para mim", relata.

O livro

Se o objetivo era ajudar outras mulheres, Andrea pode ver que está colhendo os frutos de compartilhar sua história no livro.

"Com certeza está servindo de inspiração para muitas pacientes oncológicas, que após a leitura me enviam depoimentos relatando como o livro chegou no momento certo na vida delas", conta Andrea.

Desde o lançamento, foram diversas entrevistas e muitas pessoas querendo conhecê-la pessoalmente.

"Outras me ligam ou enviam mensagens contando um pouco da história delas e isso é muito gratificante e me deixa muito feliz e realizada. Pois o objetivo maior do livro é ajudar as pessoas, ajudar o Cepon, onde eu ainda tenho que fazer acompanhamento por mais alguns anos", ressalta a escritora.

Andrea é firme em dizer que os pacientes oncológicos precisam seguir resistentes e não desistir durante o tratamento.

"O câncer tem cura, basta você acreditar em Deus e ter uma mente muito boa para seguir em frente. Você também pode ser 'Um milagre chamado vida'."

O livro pode ser pedido pelo Instagram @um_milagre_chamado_vida ou WhatsApp (48) 9 9962 8762. Também está disponível nos seguintes pontos de venda:

Koisa de pano / Florescer Yoga / Cabelo & Cia (Tijucas) / Salão de beleza Eluana (Balneário Camboriú) / Livros & livros (Florianópolis).

As fotos são do lançamento do livro Um milagre Chamado Vida.

Imagens

AVISO: Espaço livre! Para comentários realizados através de terceiros, o jornal se baseia na Lei 2.126/2011 (Marco Civíl da Internet) e dá garantia a liberdade de expressão, comunicação e manifestação de pensamento, nos termos da Constituição. O jornal não se responsabiliza por comentários de terceiros

Continue lendo




ULTIMAS NOTÍCIAS

16121836959090.png
Capa
EDIÇÃO IMPRESSA
Ler agora!
jr.png

| | insta

Quem somos | Mapa do site | Webmail | Painel de controle

Copyright © 2017 Jornal Razão - Tijucas SC
Todos os direitos reservados.


Whatsapp
(48) 8453-0809


EDIÇÃO IMPRESSA

Sexta, 01 de setembro

Capa