nas-redes.png

EDIÇÃO IMPRESSA

Sexta, 18 outubro

Capa
Capa

EDIÇÃO IMPRESSA


Fundo do Báu

Gregório Feller tinha muitos familiares na comunidade de Oliveira

Faleceu na noite de segunda-feira (18), em Joinville, padre Gregório Feller. Ele completaria 92 anos dia 27 de março.

Filho de Joana e José Feller (patrono da Escola Municipal de Oliveira), Gregório Feller nasceu no Centro do Moura, interior do atual Município de Canelinha, porém aos quatro anos a família se transferiu para Oliveira, onde ele passou a maior parte da vida.

Sepultado na quarta-feira (20), no Cemitério de Terra Nova, após 16 anos de vida sacerdotal, padre Gregório foi um dos primeiros diáconos permanentes ordenados pela Arquidiocese de Florianópolis, em 1971. Quando ficou viúvo foi chamado ao sacerdócio e serviu com dedicação a comunidade de Joinville. Atualmente era vigário paroquial na Paróquia Nossa Senhora de Belém.

Agricultor, líder político e católico fervoroso, Gregório Feller tinha muitos familiares na comunidade de Oliveira, entre eles o diácono Sérgio Feller, seu sobrinho. Padre Gregório teve 11 irmãos: Orlando, Maria, Inácio, Gregório, Valério, Miguel, Elvira. Hercílio, Etelvina, Pedro, Cordélia e Ana.


As mais lidas do dia

jr.png

| | insta |

Quem somos | Mapa do site | Webmail | Painel de controle

Copyright © 2017 Jornal Razão - Tijucas SC
Todos os direitos reservados.


Whatsapp
(48) 8453-0809

 

Quem somos | Mapa do site | Webmail | Painel de controle

 

Copyright © 2017 Jornal Razão - Tijucas SC
Todos os direitos reservados.