38 anos.png
OPINIÃO

Poder dizer 'sem papas na língua'

As práticas sociais nos impedem de dizer o que pensamos (ainda bem)

Por Katia Zílio


(Imagem: divulgação)//

Dizem que as pessoas mais velhas acumulam um poder para dizer o que quiserem.

A idade nos liberta de muitas coisas. Por isso, quando ouvimos nossa avó ou nosso avô falar, ralhar, discutir ou simplesmente vociferar contra ou sobre algo, geralmente pensamos que nem todas as pessoas poderiam dizer aquilo. Podemos ainda pensar que o que foi dito somente o foi porque quem o disse tem experiência sobre a vida e já não tem mais medo de dizer o que pensa. Aí está aquele que fala sem ter papas na língua.

De onde vem a expressão Papas na língua? Dizem que algumas galinhas podem ter uma papa que obstrui seu cacarejo, emudecendo-as. Não ter papas possibilita emitir sons, cacarejar livremente. Não ter papas na língua é poder falar sem filtro do que diz, falar de forma mais livre e descompromissada com os outros, com a sociedade.

Sim, as práticas sociais nos impedem de dizer o que pensamos (ainda bem), pois se o fizéssemos, talvez tivéssemos ainda menos amigos.

Às vezes fico pensando, leitor, pensando, não falando, que o mundo deveria ser mais sincero, por outro lado, não sei se aguentaríamos tanta sinceridade, principalmente em momentos de redes sociais nos quais só há o belo, o perfeito, a felicidade...

Poder dizer o que se quer dizer é libertador. Os artistas o fazem na sua arte. Escrevem, pintam, criam... É uma forma de dizer mais livre, porém nem todos compreendem. Nem as palavras são compreendidas frequentemente.

O ser humano fala não só por palavras ou textos. Tudo em nós é discurso, nós dizemos a partir de nossa história, nossas leituras, nossas vivências e experiências, por isso não é fácil entender o mundo. Precisamos mais do que palavras. Porém a sinceridade pode ser daqueles que estão mais vividos, que já não tem papas na língua como diz o ditado popular.

A Armadilha da Língua é assim, com papas e sem papas na língua... Porque poder dizer é muito bom, mas calar-se é também um jeito de dizer!


Jornal "A Semana" | Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida | 89520-000 | Curitibanos | (49) 3245-1711