38 anos.png
OPINIÃO

Realçar

Por Sulisia Westphal


(Foto: Divulgação)/

Fazia um bom tempo que esta palavra não estava presente nas narrativas em meu entorno. Quando a reencontrei um insight saudosista foi até Gilberto Gil interpretando a música Realce, 1979.

"Não se incomode, o que a gente pode, pode

O que a gente não pode, explodirá

A força é bruta

E a fonte da força é neutra

E de repente a gente poderá [...]"

Realçando, esta é apenas mais uma das inesquecíveis músicas muito atual, com muitas verdades a serem seguidas.

Encontramo-nos exatamente embrenhados no aumento da intolerância ao "não pode" e a consequente explosão pandêmica. O esquecimento da relevância da fonte da força renovada e sua tendenciosidade.

Em tempos de "Essencial é a Vida" o que é possível fazer sobressair, ativar, destacar, imprimir realce, tornando-a mais leve e atrativa?

Se você está entre àquelas pessoas que já vem proporcionando realces incríveis, pense coletivamente em que mais é possível ampliar o seu bem-viver. Realçar o seu tempo? A sua alimentação? O seu ambiente de trabalho ou de estar cotidianamente? Os seus relacionamentos? Sua atividade física?

Enviar um áudio para um amigo(a) após uma mensagem recebida salientando a importância que elas produzem em sua vida. Sua voz, suas palavras, seu tempo investido poderão surpreender, ser um realce para àquele momento específico, para àquela amizade. Experimentei e fiquei emocionada. Às vezes as pessoas merecem ser ouvidas ou enaltecidas pelo seu jeito de ser.

Outro aspecto é a criatividade, a busca pelo novo. Muitas pessoas ainda seguem o "fique em casa" e a saudade de caminhar, olhar e conhecer novidades no presencial são impedimentos também para esta busca.

Na Páscoa, considerando a importante História de Amor de Cristo por nós, permanece também o cultivo cultural dos ovos de páscoa. Em 2021 o realce fica para a mini caneta em forma de ovo que eu não conhecia, e muito me alegrou os olhos de quem em plena pandemia os encontrou e fez chegar até a minha casa.

Você, que realce identificaria em sua vida nestes tempos tão diferentes e estendidos?

Uma espumante para celebrar a vida? Mais tempo de reflexão e oração?

Jornal "A Semana" | Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida | 89520-000 | Curitibanos | (49) 3245-1711