38 anos.png
OPINIÃO

O que vamos deixar?

Quem não respeita o passado, não merece estar no futuro


Não sei vocês, mas, às vezes, me pego pensando em como essa história toda de pandemia será contada no futuro. Não sei nem se estaremos vivos daqui alguns anos, mas devaneio sobre o tema, por ser defensora ferrenha de registro histórico em páginas impressas. A memória, de uma maneira geral, costuma ser curta e fantasia o momento de acordo com o que você estava sentindo, o que não acontece com o que está impresso e imutável. 

Mostrando mais uma vez a sua força, nesta edição, será através das páginas impressas que Santa Cecília terá o registro da descoberta de um sítio arqueológico na nossa região. Da mesma forma que penso em como tudo será contado no futuro, me pergunto como que a vida era no passado. Hoje, temos as páginas impressas, mas antes, rascunhos esculpidos em rochas era o meio de deixar registrada a história vivida naquela época. Mais que um grupo de aventureiros, os associados da Elite Radical estão marcando seu nome e auxiliando na história local, pois quem não respeita o passado, não merece estar no futuro. 

Ainda esta semana, a Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) está firmando compromisso de divulgação das decisões tomadas pelos legisladores, nos jornais que estão no interior do estado, único meio confiável de que a informação vai chegar em todos os lugares. Dedico todo o esforço que posso para manter viva a tradição e credibilidade enraizada no jornal impresso, por acreditar nele como documento histórico. 

Não sou analógica ao ponto de descreditar a modernidade trazida pelas tecnologias, mas o imutável está impresso. O registro, a cobrança, as catástrofes, histórias familiares e tudo de mais importante que move um município, está seguro nas páginas impressas e é através delas, que nos dedicamos, nos colocamos em perigo, sempre na linha de frente dos acontecimentos, para que nada fi que para trás e possamos contribuir com o desenvolvimento local.

Jornal "A Semana" | Rua Daniel Moraes, 50, bairro Aparecida | 89520-000 | Curitibanos | (49) 3245-1711